2 de Julho: independência da Bahia e do Brasil

“Foi na Bahia, a partir do primeiro tiro disparado em Cachoeira,
no dia 25 de junho de 1822, que ocorreu verdadeiramente a Guerra da
Independência Nacional, prolongando-se por um ano e sete dias, até 2
de julho de 1823. A partir da Proclamação da Independência, por dom
Pedro, em 7 de setembro de 1822, a guerra terminaria nove meses e 25
dias depois, em 2 de julho de 1823.
Esses fatos, pouco divulgados, precisavam ser levados ao amplo
conhecimento de todos os brasileiros, em todos os estados. E é desses
fatos que o livro trata e que a Casa de Cultura Carolina Taboada
patrocina, esperando que outros trabalhos no gênero sejam incentivados
pelas autoridades e órgãos que cuidam da memória histórica baiana e
nacional.
Volto a repetir, a Guerra da Independência na Bahia foi de uma
importância crucial, uma vez que as tropas portuguesas foram derrotadas
em seu reduto mais forte no Brasil, que era na Cidade do Salvador.
Se a Guerra da Independência não tivesse sido vencida pelos
brasileiros concentrados na Bahia, o Brasil incorreria no sério risco de
perder a unidade nacional ou até mesmo a Independência que havia
sido proclamada pelo príncipe regente, dom Pedro, em 7 de setembro
de 1822, a data nacional.
Enfim, a Independência da Bahia, a custa de centenas e centenas
de feridos e mortos, portugueses e brasileiros, foi o mais intenso dos
episódios das lutas contra quase três séculos da dominação portuguesa
no Brasil”. – Nelson Almeida Taboada
Presidente da
Casa de Cultura Carolina Taboada

Ver mais  Funarte disponibiliza edição online do dicionário de fotografia de Pedro Karp Vasquez

 

O livro “2 de Julho, Independência da Bahia e do Brasil”, de autoria dos escritores Alvaro Pinto Dantas de Carvalho Jr. e Ubaldo Marques Porto Filho, está disponível no site do Instituto Geográfico e Histórico da Bahia (IGHB). Acesse: https://docs.wixstatic.com/ugd/4f3af0_627535711b074bffb34b9a6edbd64e33.pdf

 

2 de Julho, Independência da Bahia e do Brasil, de autoria dos escritores Alvaro Pinto Dantas de Carvalho Jr. e Ubaldo Marques Porto Filho

“2 de Julho, Independência da Bahia e do Brasil”, de Alvaro Pinto Dantas de Carvalho Jr. e Ubaldo Marques Porto Filho

 

Leave a Reply