Mães que odeiam os filhos

O assunto é delicado e dele pouco se fala. Existem mães que odeiam os filhos e vice-versa. Na mitologia grega, Medeia mata os próprios para se vingar de Jasão, que a deixou por outra mulher. Ele a acusa: “Infanticida! Fêmea abominável”. Procne, menos conhecida, mata o filho para vingar o adultério do marido e depois lhe serve a carne da criança cozida. Gea, a Mãe Terra, é o berço do nascimento e a sepultura da morte.

Mitologia e literatura oferecem outra visão da mãe, diferente da que quer passar o modelo social. Em Mãe em noite de lua cheia, de Luiz Antônio Aguiar, uma personagem escolhe realizar seus sonhos, mesmo que isso magoe a filha adolescente. Em Dois irmãos, Milton Hatoun descreve a personagem Mãe Zana com toques realistas. O cronista Rubem Braga não deixou por menos. Em um conto dedicado ao Dia das Mães, descreve como o excessivo zelo materno, somado às frustrações pessoais, torna-se um peso para o pequeno João, de oito anos. O dia em que troquei de mãe, de Jacqueline Mattos, revela uma personagem, Bruna, que foge por não aguentar sua mãe.

Na clássica peça Álbum de família, de Nelson Rodrigues, o diálogo entre os irmãos, Glória e Edmundo, é nu e cru: “Eu nunca disse a ninguém, sempre escondi, mas agora vou dizer: não gosto de mamãe. Não está em mim – ela é má, sinto que ela é capaz de matar uma pessoa. Sempre tive medo de ficar sozinha com ela! Medo que ela me matasse”. E a resposta, não menos crua, da mãe: “Isso aqui agora vai ficar pior – Glória vem aí… Ela nunca me tolerou, Edmundo, nunca! Quando nasceu e disseram MENINA, e tive o pressentimento de que ia ser minha inimiga. Acertei”. E depois, em conversa com a ex-nora: “Estou cansada, farta de não falar, de esconder há tanto tempo as coisas que eu sinto, que eu penso. Podem dizer o que quiserem. Mas eu dei graças a Deus quando minha filha morreu!”.

Ver mais  Racismo: uma polêmica sem fim

Em 1944, a peça causou repulsa. Até hoje, em fóruns acadêmicos ou debates públicos, o tema incita reações violentas. Tem gente que não acredita. Mas a verdade, explica a psicanalista Márcia Neder, é que as relações familiares engendram impulsos amorosos e hostis, mesmo que essa hostilidade permaneça escondida e disfarçada. Há tempos, o movimento feminista representado por Betty Friedan botou o dedo na ferida. Sim, há mães que detestam sê-lo. O nascimento de um bebê não traz só euforia e plenitude; os berros do recém-nascido, a dependência absoluta do adulto, a urgência em mamar estão longe de provocar as mesmas reações. A mulher pode viver essa experiência como fonte de prazer ou… um fardo.

Freud foi dos primeiros a nomear a ambivalência materna. Dentre as histórias clínicas que apresentou, há duas: a da mãe que não conseguia amamentar os filhos e a da que culpava a criança pela morte do pai. Ele revelou que a idealização – a mãe é fonte inesgotável de amor – oculta sentimentos agressivos: violência, irritação, vergonha e culpa.

Até meados do século XX, era comuns que mães, no seu momento “bruxa”, imprimisse nos filhos, e sobretudo nas filhas, modelos de autorrestrição. A obrigação de obedecer, assim como a vigilância sobre regras, eram constantes. As mães podiam punir tudo o que era considerado “indesejável” com “surras e cascudos”. Ou com pressão psicológica. As ameaças de retirada de afeto (“Você age assim e ninguém gosta…”), as ameaças de abandono e solidão (“Moça assim não casa…”), os castigos do Céu (“Nossa Senhora está olhando você e está triste), remorso (“Quando eu morrer, você vai ver a falta que vou fazer…”) ou culpa (“Só quero o seu bem…você está fazendo uma ingratidão”) abatiam-se sobre as costas dos filhos. Antes, a preocupação era que os filhos fossem bem-educados, que respeitassem os idosos, que fossem alvos de elogios. Hoje, preocupa “o que serão” e seu futuro.

Ver mais  "Amai...e não vos multipliqueis": maternidade e sexualidade

Pesquisas publicadas nos Estados Unidos demonstram que o modelo da mãe ideal é tão forte que aquelas que não se identificam com ele sentem-se “desviantes”. Mesmo na psicoterapia, tais mulheres conseguem indignar os terapeutas: a “mãe má” é um tabu! É monstruoso mostrar esse lado sombrio da mulher. A intolerância contra colegas, amigos ou pessoas do outro sexo pode definir alguém como irracional ou infeliz, mas, a intolerância em relação aos filhos torna uma pessoa a encarnação do mal.

Segundo Márcia Neder, no reino da pedocracia, em que o culto à criança, o “reizinho” da casa, está plenamente instituído, é crime não amá-la e vergonhoso admitir que não se ame o próprio filho. A supervalorização da maternidade leva a analisar a “síndrome do ninho vazio” de maneira errada, ela explica. Longe de sofrer porque os filhos amadureceram, cresceram e saíram de casa, esse momento pode traduzir o alívio e a satisfação ao vê-los partir – aliada à autonomia da prole, vem a alforria da mãe, que pode voltar a pensar em si mesma.

Vale lembrar que ser mãe é uma condição subjetiva; nem toda a mulher fértil está apta a exercer a maternidade. Nem ela é mágica capaz de transformar o caráter da mulher.

– Mary del Priore.

Delacroix

Medeia, de Eugène Delacroix.

451 Comentários

  1. Norabel
  2. isabel
  3. Jessica
  4. Maria Santana
  5. valmir marques
  6. Denise
  7. Tereza
  8. Maria Santana
  9. Dion
  10. chief dodoru
  11. Julia Rondon
  12. Jane Joe
  13. Brian
  14. Penny Kate
  15. BUNDA
  16. DAVIDCASTRO
  17. cler apuke
  18. Luna
    • Luna
  19. Emily Phelan
  20. Holando Mentiz
  21. Christine John
  22. Jéssica Ornellas
    • bella
    • Depressiva
      • Deborah Rosa dos Santos
  23. Lisa Robert
  24. Claudia
  25. Ederson Bezerra Silva
  26. Anna Lê
    • Nelidia Goncalves de Aguiar
      • Denise
      • Marcia
      • Loiva
      • analua
        • elza
      • rayssa pedroza
      • Kakaja
      • Bruna
    • Evelin Carvalho
    • Jucilene Santos
      • Jucilene Santos
      • elza
      • Jeh
    • Adriana
    • Rosana
    • rayssa pedroza
    • bella
  27. Não me expor
    • Anônima
      • Maria
        • Crystal Lis
      • Solange da Silva Carvalho
      • Denise
      • Bia
    • Tatiane
    • Lucia Helena Bertholdo
    • Lucia Helena Bertholdo
  28. Marco Antonio
  29. Lacerda
    • Camila
  30. Felipe
    • Mimy
      • fenix
      • Bruna
  31. Adriana
  32. Liaah
  33. Andressa
    • K
  34. Kojiro
  35. Fátima
  36. Liu
    • Mimy
      • Adriana
    • Gaspar Ferreira Filho
      • Lourdes maria da Silva
    • Ana Paula
    • carlos gusmões
  37. Gi
  38. Thais
  39. sol
    • solange
    • andrea
  40. Mayara
    • Crystal
      • Cynthia
        • Maria
        • vieira albuquerque
        • julia
    • Sozinho também
  41. Maria
    • Crystal
  42. Regeane Repolho dos santos
  43. Adriano de oliveira Ferreira
    • socorro
    • jackson
      • Crystal
        • Maria
          • Menezes
    • Maria
    • gabriela
      • Maria
      • Crystal
    • Isabela Lopes da Silva
  44. Gisele Conceição
    • Crystal
      • vanessa
  45. Fernanda
    • Aninha
      • Felipe
    • Mana
  46. Debora
    • Flavia
    • Paulo
    • Mel
    • Bruna
      • MÁRCIA
        • Dréia
  47. Thuani
    • LUCIANA
  48. Daniela
    • B.
    • Daniela
      • Helo
        • Crystal
        • Crystal
      • Pri
      • Malka
      • Roseane
    • Helo
      • Laura
      • juliana
    • Andrea Lima
    • Fernanda
  49. SUELY DE CASTRO
  50. anita
  51. Sozinho
    • Helo
      • zilma
    • Andrea Lima
    • Flavia
    • monalisa de Queiroz Fernandes
  52. Stéphanie
    • Juliana
      • Fernanda
        • Maria
  53. Maria Reyes
  54. Mirela
    • Livia
    • Dayane
      • PATRICIA CARVALHO
    • Lela
  55. Mari
  56. Camila
  57. Wiliane Mendes
    • Lela
      • PATRICIA CARVALHO
      • Andrea Lima
  58. Linda
    • Mari
    • Valéria Fernandes
      • felisbela
      • Mario
      • EVELINE
      • Dolores
      • Lela
        • Luciane
    • Gey
  59. kelly cruz
  60. Nani
  61. Taise
    • Mari
    • Priscila
    • Helo
  62. anny
    • Fernanda
    • Nani
    • Valéria Fernandes
    • Helo
  63. Anisio
  64. Carmelita
  65. elisa
    • suzi
    • Lana
    • Msg
      • PATRICIA CARVALHO
      • Andrea Lima
    • Luciana
  66. Edson
    • Débora
    • Marcelo C
      • Edson
  67. ALESSANDRO LIMA
    • Raquel
  68. CICA
    • Manny
  69. mari
  70. :(
  71. Mirela
  72. triste
  73. triste
  74. Cláudia
  75. Enne
    • Evelin Cristina
  76. alexandre
    • suzi
  77. Carla
  78. suzi
    • evandro
  79. Vilma
    • Karen
  80. Aurea
    • alexandre
  81. jennifer
  82. lurdes da silva
    • Vilma
      • suzi
  83. Ninguém.
    • Miriam
    • Renata
    • Camila
    • alexandre
      • Clarice
    • Ninguém
  84. Daniela
    • Renata
  85. Ana Carolina Guerreiro
    • Renata
    • Airam Matheus
  86. Ninguém
    • laudi
      • Flavia
  87. Anônimo
    • Renata
  88. Diego machado da silva
  89. Eduarda
  90. Lourdes
    • Lourdes
    • juss
  91. Rafaela
    • Lidines de Jesus
  92. Marcelo Matt
  93. Leonardo
    • Flavia
    • Rosi
  94. Lídia
    • Marina
  95. An
  96. Lucia
    • Rosangela
    • Gel!
    • Ana
      • lucia
        • Luisa
        • Flavia
  97. simone
  98. Alice
  99. Ana
    • Andrea
    • denise
  100. Claudio
    • Márcia
      • marta salla
  101. Claudio
    • simone
  102. Anonymous
  103. anonimus
    • Maria
  104. Eli
  105. aryane
  106. paula
    • Karenina
  107. Fernanda
  108. Socorro
  109. Viviane
  110. Juliana Silva
    • dayane
    • Karenina
    • Celia
  111. ligia rodrigues
  112. Julia
    • Miriam Lopes
    • roseli
  113. Sarah
  114. Elizabeth cristina
  115. Ale
    • roseli
  116. joice
  117. Iara da Conceição Santos
    • rosa maria ribeiro
    • Ana
  118. cacilda
  119. liciney leal
  120. liciney leal
  121. mile
    • rosa maria ribeiro
  122. Rui A.Campos
    • izilda rossi
    • rosa maria ribeiro
    • rosa maria ribeiro
  123. Livia
    • Karolinne
    • liciney leal
    • melira
    • rosa maria ribeiro
    • Miriam Lopes
    • Vivian
    • Aurea
    • Aurea
  124. Eu
    • rosa maria ribeiro
  125. Dil Monteiro
    • rosa maria ribeiro
      • Dil Monteiro
  126. amiga de São paulo
  127. Débora
    • amiga de sao paulo
    • Miriam Lopes
  128. K
  129. maria helena madeiro
    • Fernanda Mello
      • Miriam Lopes
  130. Fernanda Mello
    • Miriam Lopes
    • estamos todas juntas pelo jeito sofro essa regeiçao desde criança e nao suporto mais isso.
  131. duartes
  132. Fernanda
  133. Francini Oliveira
    • Fernanda
    • rosa maria ribeiro
    • Kat
    • Miriam Lopes
  134. Bárbara
    • rosa maria ribeiro
  135. Thais
    • Bárbara
      • Fernanda
        • nalva lima
        • liciney leal
    • Fernanda
    • melira
    • rosa maria ribeiro
    • Anônimo
    • Joyce
  136. barbara zambon
    • Bárbara
      • maria helena madeiro
        • Eduarda
  137. selem de oliveira
  138. Lia
    • simone
      • Sol
  139. Carla
  140. Carol
  141. Karen
    • anonima
      • Rosi
      • R.
    • maria helena madeiro
      • Ana Paula
      • Miriam Lopes
      • simone
    • Deby
  142. Sofia
  143. maria vasconcelos
  144. Sstitan
  145. Adriana
  146. Mari
    • Audrey
      • Miriam Lopes
  147. Cintia
    • Ana
    • Miriam Lopes
  148. isabelle fontrin
  149. Rejane
  150. Adriana
  151. Fernanda
    • Stephanie
    • Fernanda
  152. Rejane
    • Valéria
  153. JANDIRA MARIA DE ANDRADE
    • JANDIRA MARIA DE ANDRADE
      • Robert
        • loving mother
          • Solange
    • Rosi
      • simone
        • Miriam Lopes
        • helo
  154. Karina
  155. Eloa Penna
  156. Sara
    • Lina
      • marta salla
        • Lina
          • Deby
        • helo
          • Rosemeire
      • Daniela
        • Helo
        • Rosemeire
          • Pri
      • helo
        • Luciana
          • Viviane
          • R.

Deixe uma resposta