Projeto de lei autoriza destruição de documentos originais após digitalização

O Senado aprovou o projeto de lei do senador Magno Malta que autoriza a destruição de documentos originais em papel após a digitalização certificada. Isso é uma coisa que está arrepiando todo mundo que gosta de história e que luta pela preservação da nossa memória. O relator da proposta, senador Armando Monteiro, explicou que a manutenção dos arquivos de papel custa caro e exige investimentos permanentes. O projeto segue agora para análise da Câmara dos Deputados. Confira os comentários de Mary del Priore para o programa “Um Rio de Histórias” da Rádio CBN: Projeto de lei autoriza destruição de documentos…

Projeto de lei autoriza destruição de documentos originais após digitalização. Foto: Pixabay.

LEIA TAMBÉM:

PLS 146: o projeto de lei da destruição da memória nacional

9 Comentários

  1. Fábio Lima 28 de junho de 2017
  2. romilda baldin 20 de junho de 2017
  3. Mauri­cio 20 de junho de 2017
  4. Nayla Nannetti Coelho 20 de junho de 2017
  5. Danielle 20 de junho de 2017
  6. Sonia Maria B A Parente 20 de junho de 2017
  7. Elisete 20 de junho de 2017
  8. Maísa Bonifácio Lima 20 de junho de 2017
  9. Antoniio Carlos Magalhães Santos 19 de junho de 2017

Deixe uma resposta