Maioria dos ‘pracinhas’ não estava preparada para a guerra

Mary Del Priore conta que a maior parte dos militares que formaram a Força Expedicionária Brasileira, a FEB, que foi para a Itália na Segunda Guerra veio das áreas rurais, e não estava acostumada a manusear armas. Muitos nunca nem tinham visto o mar nem sabiam o que era o frio europeu. A comentarista lembra que a FEB foi criada em 1943, logo depois que Getúlio desistiu de ‘namorar’ o fascismo e participar do conflito ao lado dos Aliados.

Confira o programa “Um Rio de Histórias” da Rádio CBN: Maioria dos pracinhas não estava preparado para a guerra

 

orça Expedicionária Brasileira (FEB) na Itália durante a Segunda Guerra. Foto: Associação de Ex-Combatentes do Brasil / Seção São Paulo / Arquivo

orça Expedicionária Brasileira (FEB) na Itália durante a Segunda Guerra. Foto: Associação de Ex-Combatentes do Brasil / Seção São Paulo / Arquivo

Deixe uma resposta