Crônica inédita em que Machado de Assis chora perda da mãe é encontrada

Em 1849, aos nove anos, Machado de Assis perdia a mãe, Maria Leopoldina. Um pesquisador independente, Felipe Rissato, garante ter encontrado uma crônica inédita em que o grande escritor lamentaria a morte precoce da mãe. Trata-se de um texto anônimo, publicado na Revista Luso Brasileira de 1860. Rissato diz que é possível atribuir a autoria a Machado, graças ao cruzamento de diversas referências.

Confira a reportagem completa no jornal Folha de S. Paulo:

Pesquisador encontra crônica em que Machado de Assis lamenta a morte da mãe

machado

FONTE: Folha de S. Paulo.

7 Comentários

  1. Maria Rita Bettencourt 1 de julho de 2016
    • Felipe Pereira Rissato 5 de julho de 2016
  2. Felipe Pereira Rissato 28 de junho de 2016
    • Márcia 28 de junho de 2016
      • Felipe Pereira Rissato 29 de junho de 2016
        • Márcia 29 de junho de 2016
  3. Elvira 26 de junho de 2016

Deixe uma resposta