Cedem (Unesp) inaugura sistema de gestão de acervos permanentes

    A descrição arquivística é um mecanismo pelo qual o usuário de acervos tem acesso facilitado aos documentos. Os sistemas informatizados, por sua vez, tornam as atividades de pesquisa ainda mais prática e ágil. Nesse sentido, a Unesp desenvolveu o SISAcervo (Sistema de Gestão de Acervos Permanentes), um mecanismo institucional que pode ser utilizados por todos os centros de documentação da Universidade. Atualmente, a consulta pública dos documentos pode ser feita por meio da página do Centro de Documentação e Memória (Cedem).

    No Cedem, o SISAcervo substitui um antigo sistema desenvolvido na década de 1990. Importante destacar que o Cedem foi pioneiro na informatização de acervo. Em 2006, com a publicação da Norma Brasileira de Descrição Arquivística, houve a necessidade de adequar o antigo sistema às exigências da Norma. Foi quando a Unesp deu início ao desenvolvimento do SISAcervo, iniciativa alavancada com a criação do Comitê Superior de Tecnologia da Informação e dos comitês gestores, organizados para dinamizar o desenvolvimento dos sistemas. Esses comitês são formados por usuários, desenvolvedores e gestores de cada área.

     Inicialmente, no projeto do SISAcervo, foi concluído o módulo de catalogação. Na sequência, veio o de consulta pública e, por último, o de relatórios e serviços de referência. O módulo de catalogação permitiu a migração das informações do sistema inicial para o SISAcervo. Ao todo foram migrados mais de 58 mil registros, incluindo cerca de oito mil imagens.

Saiba mais: Cedem Unesp

Texto: Assessoria de Comunicação do CEDEM, da Unesp

Deixe uma resposta