Retirar história das disciplinas obrigatórias é ‘erro absoluto’, diz professor da USP

Publicado em 14 de março de 2017 por - artigos

Professor titular de metodologia da História na USP, Marcos Silva acredita que a retirada da história da lista de disciplinas obrigatórias no ensino médio trará grande prejuízo para a sociedade, principalmente para os mais jovens. Na avaliação de Silva, a exclusão inibirá transformações sociais. O professor defende, ainda, a manutenção do estudo da antiguidade na Base Nacional Comum Curricular (BNCC), que está sendo discutida pelo Ministério da Educação.

Confira a entrevista com o professor Marcos Silva em O Globo: http://oglobo.globo.com/sociedade/educacao/retirar-historia-das-disciplinas-obrigatorias-erro-absoluto-diz-professor-da-usp-21027797#ixzz4bIbfDmQp

unesp

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Comentários

Deixe o seu comentário!