24 Horas de História: 15 de Novembro

Publicado em 15 de novembro de 2013 por - História do Brasil

O Amanhecer- Tudo começou quando nasceu aquela manhã ensolarada de novembro de 1889. A movimentação das botas e das rodas de 16 canhões causava estranheza para quem observasse o Campo de Santana. Cerca de 500 homens da 2ª Brigada do Exército, de dois Regimentos de Cavalaria e ainda um grupo de 60 alunos da Escola Superior de Guerra marchavam. À frente, estava o comandante do 1º Regimento de Cavalaria e, ao seu lado, Benjamin Constant, tenente-coronel e professor da escola militar.

Deodoro da Fonseca, bastante doente e abatido, chegou de carruagem, tomou a montaria de um subordinado e passou a comandar a coluna de rebeldes. O único civil que participava da ação era o jornalista republicano Quintino Bocayuva. O quartel-general estava rodeado por destacamentos do exército, da Armada, da polícia e dos bombeiros – todos convocados para defender o local.

O gabinete do primeiro-ministro Ouro Preto tentava conter a movimentação dos militares insubordinados. Floriano Peixoto ocupava seu lugar ao lado do governo imperial e garantia que a situação estava sob controle. Na verdade, nada estava sendo feito para conter os golpistas…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Comentários

Deixe o seu comentário!